31 de mar de 2011

Psicossomática: Aprenda a escutar seu corpo - ele fala.



"Seu Corpo Fala

A dor de garganta aparece quando não é possível comunicar as aflições e frustrações. Não engula desaforos, mágoas, reclamações. Saiba ter voz, seja uma pessoa assertiva, não precisa brigar! Aprenda a se comunicar e expressar seus pensamentos de maneira clara e objetiva, sem perder a paciência. Se você viver guardando seus sentimentos e pensamentos, uma hora, uma das duas coisas coorre: pode ocorrer um problema sério na região da boca e garganta (saúde) ou você estoura e diz de uma vez só, tudo o que pensa, com raiva e ressentimentos e acaba magoando todos ao redor. Procure não acumular fatos. Assim que ocorrer algo que te desagrade, você pode chamar a pessoa que o magoou e dizer: eu admiro esta característica sua. Comece sempre com algo positivo daquela pessoa. E quando for reclamar, reclame de um fato, de uma atitude, não da pessoa. Diga: Não gostei quando você fez isso, pois me senti assim... Um bom líder sabe se comunicar. Elogia pessoas em público e crítica fatos em particular.

O resfriado escorre quando o corpo não chora. Chorar alivia, então chore sempre que sentir vontade. No passado, a pior crença repassada por nossos antepassados era: homem de verdade não chora. Então muitos homens guardaram tão profundamente suas dores e sofrimentos que acabaram cedo com sua saúde e morreram antes do tempo. Precisamos tirar um momento para rir, chorar, brincar, viajar, fazer exercícios físicos, dançar, curtir a vida. Equilíbrio! E lembre-se: chorar de vez em quando, é natural, faz bem e só mostra que você tem sensibilidade e não tem medo de mostrar suas emoções.

O estômago arde quando as raivas não conseguem sair, quando algo acontece e você não aceita, não consegue digerir o fato. Ache uma válvula de escape, grite, dê soco no travesseiro, escreva tudo num papel e queime, pratique um esporte, lute boxe, ache uma maneira de extravasar as emoções, faça terapia. E se possível, elimine as pessoas nocivas na sua vida.

O diabetes invade quando a solidão dói. Mas estar sozinho é sempre uma escolha, então abra-se para o mundo. Não espere receber amor primeiro, aprenda a dar e receberá de volta. Se todos pararem e esperarem o outro dar o primeiro passo, não haverá mais amor no mundo.

O corpo engorda quando a insatisfação com o mundo aperta. Aprenda a aceitar as coisas como elas são, não seja exigente demais com você, nem com o mundo. Relaxe! Deixe a ansiedade desaparecer... O mundo é perfeito exatamente como é. E se sua frustração refere-se a resultados obtidos, sabia que você pode estar bem mais próximo(a) dos seus sonhos do que imagina. Tenha paciência, nada é impossível e o amanhã pode ser bem melhor, dê mais uma chance para você e seus sonhos. Antes de comer algo, pergunte-se: estou com fome de que? Se não for uma fome física e sim algo emocional/espiritual, não tente resolver com a comida. Coma o que desejar, mas apenas quando estiver com fome e esteja presente quando mastigar, foque no agora. Ao invés de engolir desesperadamente na frente daTV, sem sentir o gosto da comida, saboreie cada mordida, sinta o sabor, cheire, feche os olhos, sinta a textura dos alimentos na sua boca e tenha gratidão a ele. Se você conseguir fazer isso, seu metabolismo funcionará perfeitamente e tudo que não for necessário, seu corpo expelirá.

A dor de cabeça aparece quando as duvidas aumentam e aparecem as críticas. Surge um desconforto como se você estivesse vivendo um problema sem saída. Relaxe, ore, medite, converse com alguém, peça ajuda! Confie mais em você e na vida. Acalme-se, tenha mais fé, creia mais em você e em Deus. Como dizem os orientais: Se um problema tem saída, resolva! E se não tem, por que se preocupar tanto? Neste caso, aceite-o!

Problemas na coluna indicam que você tem a sensação de que há pessoas ao seu redor que dependem de você. É como se você não quisesse, mas sente que tem que carregar o mundo nas costas, pois acha que os outros são incapazes de resolver seus problemas sem a sua ajuda. Isso não é verdade! Todo mundo tem a capacidade para resolver as coisas. É você quem acha isso, então liberte-se desta crença. Acredite mais nos outros. Cada um tem o direito de viver a vida como deseja, não queira impor seu modo de viver a outros. Aceite as diferenças, afinal você também quer ser aceito(a) exatamente como é, não é mesmo?

O coração para quando o sentido da vida parece terminar. Mantenha seu coração sadio, procure pontos negativos em fatos passados e atuais. Dê mais sentido aos fatos. Você já reparou que tudo tem seu lado positivo? Basta saber procurar... E sempre tenha planos ousados e divertidos para o futuro, isso o manterá vivo e motivado, com o coração leve e saudável.

A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável. Ninguém consegue manifestar perfeição, pois é impossível até mesmo defini-la. Quem poderia citar o que seria mundialmente considerado perfeito? Aceite-se e aceite o mundo exatamente como ele é. Pare de querer controlar tudo. São as diferenças e as pequenas imperfeições que fazem do mundo um lugar tão maravilhoso... Isso vale para seu corpo também. Aceite-se exatamente como é, seu corpo é o templo da sua alma. Se existir algo que queira mudar em seu corpo, faça; mas não deixe que sua felicidade e amor próprio dependam disso. Se você está num relacionamento e seu parceiro(a) não está satisfeito com seu corpo, mude de parceiro. Afinal, você é muito mais maravilhoso e especial do que seu corpo físico. Você é a auto-manifestação de Deus na terra. E pode ter certeza: existem muitas pessoas que gostariam de estar com você! Para você ser completamente amado e aceito por alguém, comece se aceitando e se amando e isso ocorrerá naturalmente.

As unhas quebram, os cabelos e a pele perdem a força e o brilho quando as defesas ficam ameaçadas. E isso acontece quando você está se sentindo deprimido, sem vontade de seguir além... Se estiver com depressão, procure os amigos, familares e/ou ajuda médica. Deseje melhorar, leia bons livros, assista a programas divertidos, instrutivos e/ou inspiradores, tenha um tempo só pra você, faça coisas de que gosta,ria em frente ao espelho, divirta-se! Insira mais diversão na sua vida, isso só depende de você!

O peito aperta quando o orgulho escraviza. Você não é vítima do mundo. Ninguém é, a menos que se coloque nesta posição. Para todo ditador, existe um ou vários submissos. Não tenha pena de você, pelo contrário, orgulhe-se de ser a pessoa que é. Encontre características positivas suas. Se estiver difícil, pergunte a amigos e familiares, pode ter certeza de que você ficará muito feliz com o feedback deles. E escreva num caderno para se lembrar e comece a fazer as suas anotações positivas sobre você, as pessoas e fatos ao redor.

A pessoa enfarta quando sente a ingratidão e estresse. Procure não exigir tanto das pessoas. Quando fizer algo pequeno, médio ou grande por alguém, não espere algo em troca. A pessoa pode não retribuir da maneira que você deseja e você envevena seu coração com raiva e sentimento de frustração e ingratidão. Na maioria das vezes a pessoa nem imaginava o quanto isso era importante pra você, é a sua visão que coloca este peso. Não deixe que suas exigências de como os outros devem se comportar atrapalhe a sua saúde e felicidade. Você pode ter feito coisas que magoaram muitas pessoas e você nem imagina. Perdoe SEMPRE! E perdoe-se!

A pressão sobe quando o medo aprisiona. Mas medo de que? Muitas vezes o medo é irracional. A menos que você esteja realmente numa situação perigosa (perdido em alto mar, sem socorro á vista, seu avião caiu no meio da Amazônia e você está perdido, sozinho e machucado, etc...) a menos que a adrenalina gerada seja algo que pode te ajudar a reagir corretamente numa situação de emergência, acalme-se! Faça a pergunta: E se este fato que eu receio realmente venha a ocorrer, qual é a pior coisa que poderia me acontecer? Faça as pazes com todas as possibilidades. Se você não tem controle sobre algum fato, solte-o! Entregue à Deus, ore, medite, relaxe... E entregue ao universo. Cuidado com os 15 minutos antes de dormir, não tenha medo do amanhã, confie de que tudo ocorrerá da melhor maneira, entregue o problema à Deus e durma bem. Muitas vezes ao acordar, o problema terá diminuído ou até desaparecido, pois muitos dos nossos medos são irreais.

As neuroses paralisam quando a"criança interna" tiraniza. Quando você repetidamente não consegue realizar sonhos e projetos importantes, acaba se frustrando, sente que não tem controle ou que o mundo está contra você. Neste momento, tudo parece ser um empecilho, você vê um mundo perigoso e injusto e se sente como uma criança sozinha e desamparada, despreparada para lidar com as situações. Mas você não é mais uma criança, é um adulto e tem força e capacidade para resolver e realizar qualquer coisa que deseja, procure ajuda, mude e seja feliz! Muitas pessoas procuram remédios físicos quando na verdade precisam mudar suas atitudes, pensamentos e sentimentos.

A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade. Se sua temperatura subiu, você está se sentindo sem forças para lidar com as situações. Não se compare com outras pessoas, não pense que só você tem problemas ou que existem pessoas sortudas e pra você, nada dá certo. Isso não é verdade! Todos temos problemas, o que muda é como os encaramos e resolvemos. Você é capaz de resolver qualquer situação. Dê uma chance para você e seus sonhos grandiosos... Não seja tão exigente, deixe que tudo ocorrerá no tempo de Deus. Equilibre seu organismo, equilibrando suas emoções.

O câncer se instala quando a pessoa guardou mágoas e rancores por toda uma vida. É como se aqueles sentimentos estivessem comendo a pessoa de dentro pra fora. É por isso que não adianta curar apenas com remédios, é preciso aprender a perdoar as pessoas, principalmente a si mesmo e seguir em frente, vivendo no presente, com planos concretos para o futuro. Perdoar é um processo, pode levar tempo, mas nada é tão belo e transformador do que o perdão, ele liberta a alma, a pessoa se renova e se cura."

Fonte: Revista Women's Health

30 de mar de 2011

 
 
 
 
O que é:


Workshop para pessoas que se interessam em articular em uma abordagem teórico vivencial, os princípios elementares do éter em suas vidas, a partir da técnica da dança do ventre, aliada a exercícios terapêuticos, bionergética e abordagem da picicoterapia analítica.


O que pretende:


Sensibilizar os participantes sobre os princípios elementares do éter no corpo/psiquismo, potencializando-o através de técnicas da arte milenar da dança do ventre, rumo a transmutação.


Público Alvo:


Mulheres interessadas em adentrar, através da prática e da teoria, o fenômeno do éter e sua correspondência corporal/psíquica.


Horário:


19:30 às 21:30


Investimento(apenas para quem não está matriculada no curso regular):


R$40,00


Informações e Inscrições: tarhira@yahoo.com.br/(71)9288 8372

24 de mar de 2011

Instinto e Intuição feminina no comando empresarial

 

 

INSTINTO E INTUIÇÃO FEMININA NO COMANDO DAS EMPRESAS

Por Ivan Postigo
A reinvenção do homem e a obtenção de um melhor modo de viver começaram com a mulher.
Não houve pecado no paraíso, apenas iniciativa. Essa história um dia será contada sob a ótica feminina.
Eva, com sua delicadeza, apenas disse à Adão: - vem e te mostrarei o mundo.  Eva deu-lhe o comando para que se fartasse e aprendesse com a própria experiência, evitando interferir, sabendo que um dia teria o companheiro mais sábio e menos teimoso.
Como Eva sabia o que deveria ser feito? Já ouviu falar em instinto?
Instinto é predisposição inata para a realização de ações, determinando, portanto, o nosso comportamento. Podemos considerar como impulso espontâneo e alheio a razão. Certamente à mulher não faltam atributos que compõem o instinto, aspecto misterioso e instigante.
E que tal falarmos em inteligência? Vamos entendê-la primeiro:
Inteligência é definida como a capacidade de raciocinar, planejar, resolver problemas, abstrair e compreender ideias e linguagens. Alguma dúvida quanto a esta questão?  As três jornadas diárias que muitas enfrentam não deixam dúvidas, concorda?
Certamente que sim, não é? Conhece um ser capaz de fazer dez coisas ao mesmo tempo, de forma planejada e com resultados positivos? Neste aspecto a mulher é nota mil!
Chegamos ao ponto da competência, certo?
Entenda competência como o conjunto de conhecimentos, habilidades e atitudes que quando utilizados pelas pessoas permite que tenham sucesso nas tarefas que desenvolvem.
Percebeu que competência nesse sentido está estruturada em três pilares?
1)      Saber o que fazer ( Conhecimento )
2)      Saber como fazer ( Habilidade)
3)      Querer fazer ( atitudes)
Quando Eva e suas descendentes teriam desenvolvido esse potencial? Simples, enquanto Adão cometia os erros estas estudavam, aprendiam e desenvolviam suas intuições.
Intuição é um processo, onde o raciocínio às vezes é involuntário, para chegar a uma conclusão. A intuição tem em sua raiz a convicção que é a certeza com relação a algo, formada pelos nossos erros e acertos.
Convicção é a premissa da verdade. Ao nos depararmos com fortes argumentos, nossa intuição pode nos levar ao questionamento de nossas convicções e mudá-las.
 Adão não poderia esperar melhor apoio e parceira, nem nossas empresas.
Enquanto o homem sempre dividiu para somar, pois a divisão de tarefas tem sido o pressuposto de maior produtividade, a mulher busca somar para dividir, trabalhando o conceito de união em busca de melhores resultados, beneficiando um maior número de pessoas.
Parabéns às mulheres, que a todos ensinam a acreditar e usar seus  instintos e intuições.

Ivan Postigo é Diretor de Gestão Empresarial da Postigo Consultoria Comunicação e Gestão www.postigoconsultoria.com.br
Autor do livro: Por que não? Técnicas para estruturação de carreira na área de vendas

23 de mar de 2011

Epistemologia do Educar

A ciência das certezas esconde a emoção e nem tão pouco que saber da espiritualidade.
A Ciência da Razão, perde a razão, quando não reconhece outras possibilidades..
O olhar lógico, finito e linear da ciência jamais poderá compreender a infinita poesia existente no cachoar de uma cachoeira e no farfalhar das folhas.

Qual o sentido da ciência sem a consciência?
Existe conhecimento legitimo sem autoconhecimento?
Como compreender a lógica dos fenômenos poli-lógicos?
A ética pode existir sem a estética ?
Porque o ser humano se autofragmenta fragmentando a realidade ?

O que separa o sujeito do objeto ? O método ?!
E o que separa o método da sua mente ? O pensamento ?!
E o que separa o pensamento da realidade?

No meu corpo/vida/mundo tacitamente reconheço a minha arte como sendo cientificamente filosófica..
No aspiral eterno da vida sinto-me encantado pela ciência do Amar
Na ascese cíclica da vida busco re- construir rizomas de conhecimentos
Vivenciando .... uma epistemologia do educar !


Tássio Revelat

21 de mar de 2011

Japão: uma nação em regeneração

Sergio Stum

É impossível deixar de escrever sobre a enorme tragédia que está acontecendo no Japão, este país de tradição e cultura milenares, com seu povo ordeiro, respeitoso, educado, obcecado pelo trabalho, pela produtividade, pela qualidade, exemplo para o mundo todo de prosperidade a partir do trabalho, da transformação inteligente de matérias-primas importadas. Terra de templos magníficos, de paisagens estonteantes, dos trens de alta velocidade, da tecnologia de ponta, com governo sério, baixos níveis de corrupção e criminalidade...

Daqui somente podemos nos solidarizar, irmanar e rezar, enviar Luz e energias positivas. É doloroso ver na TV pessoas com crianças no colo em pé, ao relento, sem água, energia elétrica, com temperaturas próximas do zero. Talvez nem todos saibam que a imigração nipônica, em nosso acolhedor país, conta com um milhão e meio de descendentes totalmente integrados na vida do Brasil, em absoluto, a maior colônia do Sol Levante ao redor do planeta.

No entanto, sabemos que nada acontece por acaso, que a Mente Universal é perfeita, que aplica com justiça implacável a lei do carma, talvez até do carma coletivo... Sabemos que a Natureza engloba os quatro reinos e dispõe de incrível poder, manifestado pelos quatro elementos, que puseram sua fúria imensa em ação, fornecendo aos que se acham todo-poderosos, como se ainda fosse necessário, mais um aviso; neste ponto, quase um ultimato.

Estamos no limite.
A Terra literalmente botou pra quebrar. As imagens mostraram o terremoto, o maremoto, o fogo das explosões das centrais nucleares, com incrível clareza, para o mundo todo. As imagens mostram a fragilidade do ser humano e de suas criações, as mentiras balbuciadas frente aos microfones da TV, por humanos em estados de choque, esperando, torcendo agora que o quarto elemento, o ar, com seus ventos favoráveis, direcione para o mar a morte invisível, as nuvens radioativas que as falhas dos reatores espalharam sobre o nordeste da ilha. Os quatro elementos tinham o objetivo bem definido e o golpearam sem piedade.

É difícil interpretar a mensagem?
Talvez - mesmo após Hiroshima e Nagasaki, duas páginas negras da história da Humanidade -, as empresas locais sedentas de energia elétrica ainda continuem confiando na atualizada tecnologia nuclear, totalmente segura, de acordo com quem constrói as centrais, silenciosamente mortal quando ocorrem falhas.

Creio poderia tratar-se de algo assim:
- Chega! Basta. Fora com a energia nuclear.
- Vamos empregar a energia solar em todas suas formas. (O fogo em ação).
- Vamos implementar a energia eólica (o vento - ar) em ação.
- Vamos utilizar as turbinas a vapor movidas à biomassa (a terra) em ação.
- Vamos aproveitar as energias das ondas e das marés (a água em ação).
E ainda restam as opções de andar mais a pé ou de bicicleta...

Sei bem que ninguém pode julgar, mas precisamos buscar as causas muito além da aparência do mero acaso; descobrir o porquê de tanta dor e destruição, buscar capitalizar a informação obtida, mudar de rumo, de valores, de hábitos, de conceitos, de sentimentos, de fontes de energia e até de alimentos.

Talvez a sociedade japonesa tenha esquecido um pouco de seus valores essenciais, tenha se endurecido, ficando egoísta demais, separatista demais, esquecendo até dos seus emigrantes e filhos que, deixando o Brasil, indo procurar trabalho na terra de seus avôs, somente conseguem serviços pesados, morando longe e sendo considerados pelos nativos como cidadãos de segunda categoria...


Pecado contra a Unidade

Talvez as pessoas tenham se tornado materialistas demais, vivendo uma vida superficial, vazia, correndo desesperadamente atrás de maya -- a ilusão -- esquecendo-se da transitoriedade da passagem pelo planeta e de que todos têm uma missão a desempenhar, única e especial.
Ou ainda se esqueçam da exclusão, da desigualdade das classes sociais e dos demais comportamentos e situações - como a de não conseguir entrar na faculdade- que podem criar desespero e depressão, resultando em taxas de suicídio que assustam pela magnitude e regularidade, mantendo-se nos últimos anos por volta de 30.000 casos/ano, próximas da taxa de homicídios do Brasil se compararmos os diferentes números dos habitantes.

E algo bateu forte quando as imagens mostraram os navios de pesca e uma infinidade de outros barcos em meio aos destroços, a quilômetros da costa, jogados lá como se uma mão gigantesca os tivesse capturado e tirado definitivamente de sua sinistra e sangrenta missão. Mero acaso também? Talvez não tenham percebido o quanto feriram e estão ferindo o mar e suas criaturas, ao caçar sem descanso, do oceano Ártico ao Antártico, as inofensivas e majestos as baleias, alegando necessidade de realizar pesquisa científica sobre esses cetáceos...


Pecado contra a Natureza

E os Guias me lembram que ainda há muitos seres vivos, na China e Coréia, os quais testemunharam as atrocidades perpetradas pelas tropas de ocupação japonesas contra a população civil, incluindo crianças.
E este seria o pecado maior, desta vez contra a Humanidade.

O ponto é provavelmente o seguinte: quanto maior o drama, o desastre -infelizmente- maior será o aprendizado. O resgate do que foi cometido é líquido e certo. Não tem esquecimento, pois precisamos passar de fase, evoluir, crescer como seres humanos.

É a história do plantio. Semeou vento? Irá colher tempestade.
Semeou amor, voltará bem-aventurança, alegria, felicidade para todos os envolvidos. Terá, então, passado de fase e novos desafios aparecerão para serem superados, sempre usando a mesma mágica vareta: o Amor Incondicional.



Namastê (O Deus que existe em mim saúda o Deus que habita em Você).

16 de mar de 2011

Com fios de amor -Ana Jácomo

Com fios de amor

Foto de Cidinha Madeiro

Ana Jácomo
Era saudade, sim, eu pude dar nome quando tocou o meu instante com mãos de surpresa e me convidou pra sentir. Eu deixei que crescesse, que expandisse seus ramos, que florisse com calma, sem tentar adiá-la ou entretê-la, essas coisas que às vezes a gente tenta fazer com saudade que machuca, e vez ou outra até consegue. Mas aquela, eu pressenti pela melodia do perfume que emanava, aquela não tinha a mínima intenção de ferir. Aquela não saberia, ainda que tentasse. Aquela, eu sei, não tentaria.

Não era daquelas saudades que fazem a musculatura da vida ficar toda contraída de dor. Daquelas que amordaçam as flores e espantam as borboletas. Daquelas que engasgam o canto e fazem as asas encolherem. Daquelas traiçoeiras que, na primeira oportunidade, quebram as pontas dos nossos lápis de cor. Daquelas que escondem os brinquedos da gente nas prateleiras mais altas e, por via das dúvidas, encurtam os braços do nosso contentamento. Daquelas que inflam nuvens que depois inundam tudo de carência e de tristeza. Não, aquela não.
Aquela era uma saudade feita de um punhado de sorrisos viçosos floridos no jardim da memória. Era pássaro que cantava macio na árvore mais frondosa da minha gratidão. Era mar que estendia ondas suaves de ternura por toda a orla dos meus olhos. Aquela era dessas saudades que toda vez que dizem acendem um mundaréu de estrelas no céu do coração. Era uma certeza de que a vida sempre arruma maneiras para aproximar as almas irmãs, esses anjos vestidos de gente que tornam mais fácil e mais feliz a nossa temporada de aulas e recreios nesse mundo.
Aquela era dessas saudades bem-vindas que trazem também descanso e alegria na sua cesta de bênçãos. Era dessas saudades que derrubam cercas e desenham pontes. Era dessas saudades que desembrulham lembranças que deixam o instante da gente todo perfumado de Deus. Aquela era dessas saudades generosas que bordam sol no tecido da alma com os seus lindos fios de amor.

12 de mar de 2011

Dia 16 de março -das 14 as 18 - Seminário Antropofágico -IAT/SEC

O grupo de pesquisas e extensão sobre as matrizes antropofágicas em educação -UFBA/FACED- em PARCERIA com o PROINFANTIL - UFBA/FACED e IAT/SEC, vem realizando uma série de seminários
que visam ampliar o olhar dos professores sobre a infância e suas matrizes em diversos contextos/culturas e saberes.

Dentro dessa perspectiva acontecerá mais um Seminário em videoconferência que poderá ser acompanhado presencialmente no Laboratório de Educação a distância do Instituto Anísio Teixeira, pelas salas de transmissão NTE de Barreiras, Feira, Conquista, Itaberaba, Valença e Eunápolis, ou ainda pelo site do IAT.

http://www.iat.educacao.ba.gov.br/

É só clicar em rede educação, VIDEOCONFERÊNCIA ao vivo

O Proinfantil é um Programa de Formação Inicial para Professores em exercício na Educação Infantil, idealizado pelo MEC, gerenciado pelo Estado sob a coordenação de Miliane de Lemos Vieira(Miliane Tahira) e levado aos municípios demandantes.

Na esfera formativa, conta com a Coordenação de Cleverson Suzart -UFBA/FACED- que também coordena o GEPEMAE.


O seminário acontecerá dia 16 de março de 2011 das 14 às 18h e o tema será POESIA.

Participem!!!!

10 de mar de 2011




Na segunda-feira anterior (7), véspera do Dia Internacional da Mulher, foi lançada uma campanha de combate à violência contra a mulher em toda a cidade de Salvador. A iniciativa partiu de uma grande parceria entre, Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Câmara Municipal de Salvador, Vara de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do Poder Judiciário, Movimento A Mulherada, Prefeitura de Salvador e Governo da Bahia.

Além de combater a violência e o preconceito, a campanha visa ao fortalecimento da auto-estima feminina e a conscientização a sociedade pela adesão à causa, mostrando que a violência contra a mulher é um crime que precisa ser denunciado. A criação da campanha foi doada pela agência Ideia3 e envolve ações de rua, peças em diversos meios de comunicação e até um bloco de carnaval. 

8 de mar de 2011

Paradoxo da Natureza - Por Fernando Tolentino

 

 

PARADOXO DA NATUREZA

Por que não seca esta fonte
se já não há um solo fértil a regar?
Por que as águas não cessam
se as sementes estão espalhadas em outras paragens,
se ali, onde a terra se racha de uma aridez incorrigível,
o húmus espera uma gota, uma brisa que espalhe ao menos umidade,
pra brindar a paisagem de verde?
Para que se precipitam as nuvens
se as águas correrão sobre o solo sem encontrar onde se acomodar?
Se as águas se transformarão em torrentes, bravias, inconformadas,
como a vingar a sua inutilidade.


Onde aquele solo túmido, prenhe, vesperal?
Esta terra nem sempre foi tórrida, infértil,
indiferente à provocação das águas.
Neste solo, o verde prometia rebentar a cada gota que lhe umidificava.
Ao menor estímulo, a vida se mexia, se criava, sorria.
Este solo se fechou.
Impermeável, tornou-se uma laje e aprisionou a riqueza no seu ventre.


Para a água que insiste em molhar
resta a certeza de que, expulsa daqui,
pode ser recebida mais ali,
onde uma possível natureza, latente, paciente,
prepara uma festa.


Fernando Tolentino

5 de mar de 2011

De Guerreira Ferida para Deusa - como transformar o feminino

Curando a Guerreira Interior




Guerreira para Deusa:
Como Transformar o Feminino
Por Suzanna Kennedy

Há muitos tipos de mulheres em nossa sociedade, mas a que clama mais alto para a cura, é A Guerreira Ferida. Vocês almejam se transformar em Deusas, mesmo que poderiam não usar estas palavras para descrever o seu desejo.

Quem é a Guerreira Ferida?

A Guerreira Ferida é poderosa, independente, auto-confiante e bem sucedida - porque vocês têm que ser. Mesmo assim, vocês se ressentem com toda a responsabilidade e obrigação que acompanha o seu papel. Vocês são as únicas ao redor que resolvem tudo, e resolvem tudo bem rápido e perfeitamente.

Vocês são amargas (pelo menos interiormente) em relação aos homens, que vocês acreditam obter todas as rupturas, mas fazem pouco do trabalho real. Vocês vêem os homens como o sexo mais fraco, respondendo emocionalmente e agindo ilogicamente - quando eles agem, de nenhuma maneira. Vocês pensam que os homens são somente bons para uma coisa - mover os móveis. Bem, duas coisas, talvez.

Há muito tempo, vocês abandonaram a fantasia de um príncipe num cavalo branco ou do Príncipe Encantado. Vocês são amargas, zangadas e algumas vezes até interrompendo os seus relacionamentos com estes seres masculinos inferiores. Vocês conscientemente ou agressivamente-passivas buscam a desforra contra os transgressores masculinos nesta sociedade patriarcal.

Vocês respeitam outras Guerreiras, apesar disso não têm tolerância por mulheres "mais fracas", que não carregam a espada da Guerreira. Vocês são ou foram uma boa esposa e uma boa mãe, protegendo e sustentando a sua família. Até agora, vocês expressam até estes papéis através da postura de um guerreiro.

Vocês estão cansadas de lutar. Vocês exibiram as suas feridas da batalha orgulhosamente no passado, mas agora que vocês crescem entediadas com a conquista. Sua armadura é pesada e vocês ambicionam removê-la para sempre. Vocês anseiam pela Deusa dentro de vocês; ainda que acreditem, vocês não podem sobreviver sem a sua espada da Guerreira. Deixem-me apresentá-las ao - poder da Deusa.

Quem é a Deusa?

A Deusa é bem simplesmente – a incorporação do Divino em um corpo feminino. Ela tem discernimento e age com integridade. Ela tem uma essência de paz interior que é inabalável. A Deusa irradia uma energia que é tão poderosamente bela, amorosa e suave, que os outros são atraídos para ela como um ímã.

Ela pode ter sido uma Guerreira Ferida em uma época, mas ela curou as suas feridas. Ela liberou a raiva, a dor, o medo, a culpa e o julgamento. Ela tem se libertado dos sentimentos de traição e de abandono. Ela substituiu estas emoções vibracionalmente inferiores pela compaixão e alegria. Ela transformou as suas crenças limitantes, atitudes, e padrões de pensamento em uma aceitação amorosa por todos, como eles são. Ela não tem necessidade de mudar alguém, pois ela vê o Divino em todos os seres. Ela compreende que qualquer ataque é simplesmente uma demonstração de medo. Ela se lembra do medo, e ainda sabe como neutralizá-lo com seu fluxo ilimitado de amor.

A Guerreira Ferida e a Deusa - dois arquétipos femininos poderosos. Um cansado e ferido; um radiante e curado. Como a Guerreira ficou ferida? E como ela pode se transformar em uma Deusa? Para responder a estas questões, vocês devem primeiro compreender como a energia se move nos humanos.


O que são Padrões de Energia Masculinos e Femininos?

A Energia tem padrões de movimento e nós podemos chamar um padrão masculino, o outro feminino. O padrão masculino de movimento é positivo (agressivo); ele inicia a ação. Olhem para a genitália masculina como um exemplo. Ela está fora do corpo, ação orientada. Recebe o prazer ao mover-se contra as paredes de um recinto cercado. Nos humanos ele se expressa através da mente, como uma necessidade de compreender, analisar, encontrar os limites, fazer planos e agir. Nesta expressão mais elevada, a energia masculina adora dar, proteger, e prover o conforto e segurança na realidade física. Todos os seres humanos têm um aspecto masculino para eles próprios, algumas vezes chamado de masculino interior.

Do mesmo modo, cada indivíduo tem um feminino interior. Este padrão de energia é receptivo e compreensivo - um espaço aberto com fronteiras definidas. Ainda que o espaço aberto seja escuro e misterioso. O feminino é confortável com o desconhecido. Do mistério brota a criatividade e a intuição. É o útero - nutrindo e educando (alimentando). A energia feminina se expressa através do coração, através dos sentidos - usando a sua criatividade para gerar um espaço exterior que é convidativo, nutritivo e sensual.

Idealmente, cada indivíduo teria aspectos masculinos e femininos, amadurecidos e saudáveis, trabalhando juntos como companheiros semelhantes. Entretanto, raramente este é o caso. Quando os humanos experienciam os tiros e flechas da vida, seus masculinos e/ou femininos interiores se tornam feridos, e o seu desenvolvimento interrompido. Então uma Guerreira ferida é uma mulher que expressa predominantemente a energia masculina, porque o seu aspecto feminino está ferido e disfuncional. Naturalmente um homem pode ser um Guerreiro Ferido também.


Como vocês se tornam uma Guerreira?

Há várias possibilidades. Pode ter desenvolvido o sentimento de que seu pai não forneceu a segurança e a proteção necessárias. Talvez seu pai estivesse ausente emocional e fisicamente. Ou talvez vocês tivessem um pai que expressou mais a energia feminina, não modelando um arquétipo masculino amadurecido. Vocês podem ter se modelado conforme a sua mãe ou outra mulher influente, que era uma Guerreira. Vocês podem se sentir traídos ou abandonados por um ou ambos os pais. Vocês podem sentir que vocês necessitam desempenhar o papel do masculino e serem o provedor e o protetor da família. Vocês podem ter decidido que vocês precisavam desenvolver qualidades semelhantes ao Guerreiro, para sobreviverem no mundo dos negócios. Seja qual for a razão, vocês colocam a armadura e lutam. Vocês lutam por vocês mesmas, sua família, sua profissão, reconhecimento e validação. Vocês acumulam feridas, cicatrizes da batalha e conquistas, também. Seu ego está sobrecarregado e a sua alma grita pelo isolamento.


Como o Ego opera?

O ego tem recebido uma punição. Algumas disciplinas psicológicas e espirituais sugerem que vocês deveriam suprimir todo o seu ego ou até matá-lo. Mas o seu ego desempenha um papel muito importante quando vocês estão em um corpo físico, neste planeta. O trabalho do seu ego é protegê-los. Momento a momento, o seu ego examina cuidadosamente o seu banco de dados, acumulados no DNA de suas células, e as memórias (conscientes ou subconscientes), que são similares à situação na qual vocês estão correntemente engajados. Se o ego encontra qualquer memória similar à situação atual que resultou na ferida do seu ser, ele tenta protegê-los de serem feridos novamente.

Vocês têm uma flexibilidade de armazenar dados de memórias subconscientes guardados em seu DNA de seus ancestrais. Algumas culturas acreditam que vivemos outras existências, e estas memórias estão guardadas em seu DNA, também. Com toda esta história, quando o ego faz uma varredura, ele quase sempre encontra uma situação similar, onde vocês foram feridos. Então ele ergue as defesas para evitar que vocês sejam feridos novamente.

Ele pode levantar sentimentos de medo e de dúvida. Ele pode iniciar pensamentos, crenças ou memórias que os distraem de participar da situação. Algumas vezes, ele criará obstáculos que os impedirão de participarem, tais como limitações de tempo, reveses financeiro e até doenças. Ele fará qualquer coisa para protegê-los.

E estas defesas os deixam limitados para reagirem da mesma maneira que vocês sempre têm. E adivinhem o que? Se vocês reagirem do mesmo modo, vocês obterão os mesmos resultados. Nenhuma experiência nova pode vir disto. Vocês não podem crescer com isto. Vocês estão casados com a monotonia.


Como a Alma usa a Lei da Atração?

A razão de vocês encontrarem situações prejudiciais é devido a energia prejudicial que está guardada dentro do seu DNA. Sua alma está sempre buscando trazê-los de volta à saúde e alegria. Então ele tenta liberar a energia escondida e suprimida. Ela usa a lei da atração (semelhante atrai semelhante), para magnetizar as pessoas e situações para vocês que acionarão a oportunidade para liberar.

É por isso, que como uma guerreira ferida, vocês atraem homens feridos. Eles provocam vocês e lhes dão a oportunidade de clarear e liberar esta energia guardada. Vocês podem clarear a energia prejudicial no DNA. E quando vocês o fazem, vocês começam a se mover através de sua vida sem a memória celular danosa. O trabalho do seu ego é muito mais fácil, porque não há energia prejudicial para ser liberada - vocês não estão mais atraindo situações dolorosas. E quando vocês se movem para uma situação nova, e o seu ego escaneia as memórias dolorosas, ele não pode encontrar nenhuma. Então o seu ego lhes permite moverem-se para novas experiências, sem limitações. Como a Guerreira se transforma em Deusa?


É um processo de quatro passos:

1- União Sagrada do Masculino Interior e do Feminino Interior
2- União Sagrada do Ego e do Espírito
3- Nascimento do Humano Divino
4- Relacionamentos de União Sagrada


União Sagrada do Masculino Interior e do Feminino Interior


No primeiro passo é necessário fazer surgir o amor e curar todos aqueles aspectos de vocês mesmos, relativos ao relacionamento. Trazer à tona todas as energias escondidas e suprimidas da raiva, ira, ressentimento, ódio, ciúme, inveja, traição, separação e abandono para liberação e transmutação.


Após clarearem as percepções e energias densas do seu sistema de quatro corpos, voltem a sua atenção para seu próprio masculino interior e seu feminino interior. Observem em que condição eles estão. Acendam a luz da Fonte sobre eles, de modo que eles se curem e amadureçam saudáveis, seres bem equilibrados que trabalharão juntos na Sagrada União dentro de vocês.


A Sagrada União do Ego e do Espírito.

O seu ego ou a imagem criada da mente, está associado com o corpo mental. O seu ego protege o seu corpo físico, e também protege e mantém a sua auto-imagem e os seus sistemas de crenças. Seu trabalho é manter tudo igual. Então, quando vocês tentam crescer e se expandir, especialmente emocional ou espiritualmente, o seu ego, em um esforço de manter o status quo (estado atual), sabotará os seus esforços de auto-aperfeiçoamento.

O ego usa as energias da raiva, medo, culpa, julgamento e dor como estratégias para proteger a sua auto-imagem. A fim de se expandirem para a imagem de vocês como uma Deusa, vocês devem se engajar na cooperação com o ego. Neste passo, reconheçam o ego por todo o seu dedicado serviço passado. Dêem-lhe uma promoção e a descrição de um novo trabalho que seja consistente com a manutenção de uma nova auto-imagem, como uma Deusa. Promovam os vários aspectos do ego, do status de protetor, para o status de conselheiro. Isto realmente causa a ascensão do corpo mental, preparando o caminho para a União sagrada dos vários aspectos da sua Divindade com seu corpo físico.


Nascimento do Humano Divino

Os geneticistas encontraram o que eles se referem a como "DNA de sucata". Este é o material genético que parece não estar ativado no momento e eles não podem imaginar o seu propósito. Mas isto não é lixo! Estes são cordões de DNA que uma vez conectados e ativados, podem lhes dar habilidades que vocês poderiam considerar como metafísicas. Estas habilidades incluem percepção extra-sensorial, rejuvenescimento, imortalidade, telepatia, psico-cinesia, acesso às informações e comunicação de outras dimensões, teletransportação, bilocação, e manifestação instantânea.

Em tempo, vocês evoluirão e terão as mesmas habilidades atribuídas às deusas dos mitos antigos. E se estas figuras míticas fossem seres reais? Talvez elas fossem seus ancestrais antigos, de outro lugar ou de outra dimensão. Talvez todos os 12 cordões do DNA estivessem conectados e ligados, e elas pareciam como deusas para os seres de 2 cordões. Talvez de alguma maneira em nossa história, o nosso DNA foi desconectado ou desordenado. Pode este DNA extra ser reconectado e ativado? Aqui está a parte surpreendente: O DNA e as realidades holográficas são mutáveis.

Quando vocês mudam os registros, a realidade holográfica que vocês chamam sua vida, deve mudar para se alinhar com os registros. Se vocês mudarem as imagens holográficas, vocês mudarão os registros. Durante o seu Nascimento Divino, vocês podem reescrever o script de sua vida e até encobrir o script familiar antigo. Em tempo, o script antigo se dissolve e o novo assume. Uma vez que vocês estejam expressando Quem Vocês Realmente São como uma Deusa, vocês podem querer se mover para o quarto estágio e manifestarem uma parceria íntima com outro Humano Divino. Ou vocês podem querer formar parcerias de União Sagrada para expressão criativa ou serviço prazeroso para o planeta.

Relacionamentos de União Sagrada



Quando vocês incorporarem a sua Divindade, verão mudar a natureza de todos os relacionamentos. Vocês se sentirão plenos e completos, e não mais olharão para outra pessoa para completar vocês. Isto tem muitas implicações.

Um resultado é que se soltam da carência, da posse, da busca e do apego. Há uma confiança pacífica que se estabelece. Vocês começam a sentir que cada relacionamento é uma União Sagrada, porque vocês reconhecem a Divindade dentro de vocês e de todos os outros.

Vocês vêem o Ser Divino em todas os outros rostos e confiam que enquanto as fisionomias fluem para dentro e para fora de sua vida, cada uma traz a sua própria maneira de refletir a sua compaixão para vocês. Vocês têm um sentimento de imparcialidade para as formas que os relacionamentos assumem. Há um novo sentido de liberdade e aceitação para os relacionamentos mudarem e alterarem a forma.

Se vocês escolherem, vocês podem convocar uma Parceria Íntima de União Sagrada ou elevar a sua parceria atual para o status de União Sagrada. Se esta for a sua escolha, ela serve para tornar muito clara acerca do que vocês querem em um companheiro ou em um relacionamento. Convocar um Companheiro Íntimo de União Sagrada é um processo de criação. Claridade mental na União Sagrada com o coração - sentir gratidão, atrairá o desejo do seu coração.

Seu time espiritual poderia lhes dirigir para um facilitador para navegar e testemunhar esta transformação. Escolham alguém que esteja sempre irradiando e demonstrando a clara energia da Deusa em sua própria vida, já que ela pode transmitir uma energia de alta freqüência e assistir na transformação graciosa da Guerreira Ferida para Deusa.

Como Reconhecer uma Deusa



A Deusa se libertou de tudo o que não é divino. Ela desfruta e expressa a sua feminilidade com coragem. Ela acha que tanto os homens, quanto as mulheres estão mais confortáveis para trabalhar e brincar do que antes. Ela se liberou de seus sentimentos suprimidos de traição e de abandono e irradia a energia da confiança. Então outros se tornam acessíveis, baixam as suas defesas, e ela extrai a lealdade e a integridade deles.

Ela trata aos outros com compreensão e gentileza. Entretanto, ela é perceptível e sabe como traçar os limites, quando apropriado. Ela fala a verdade, do seu coração, com respeito, honrando os sentimentos e os outros.

A Deusa carrega uma energia particular, mais elevada, uma vibração mais rápida em seu campo eletro-magnético. Ela criou um ambiente em seu corpo que magnetiza as energias Divinas mais refinadas. O seu corpo se torna uma torre de rádio que ancora as energias celestiais de compaixão profunda e de alegria na Terra e então a irradia para fora, em todas as direções.

Há muitos aspectos da Deusa. Ela pode ser como Ísis, expressando o aspecto da Mãe Criadora. Ela pode expressar Afrodite; o aspecto da companheira amorosa, sensual e sexual. Ela pode expressar Kali, a destruidora que não esta mais à serviço. Ela pode expressar uma Deusa Guerreira, a protetora que sabe como arrancar e proteger fronteiras. A diferença agora é que ela está curada e inteira, podendo ela recorrer a qualquer aspecto da Deusa que sirva melhor para ela em qualquer momento. Ela não se limita mais em agir somente fora da parte da Guerreira Ferida. Ela irradia a energia da União Sagrada dentro dela mesma, e isto atrai um companheiro de União Sagrada para ela no mundo físico. De acordo com o Momento Divino, naturalmente, ela atrairá um Deus para saudar a sua Deusa.

A Lei da Atração opera para atrair outros que são da mesma energia e consciência. Em breve, ela se encontra cercada por Deuses e Deusas - todos vivendo harmoniosamente no Paraíso na Terra que eles criaram de suas energias equilibradas do Amor Divino, Sabedoria Divina e Poder Divino. Minha história: Em meu próprio caso, quando eu me interiorizei, vi que meu feminino interior estava encolhido, no fundo de uma caverna escura. Ela estava suja e assustada, e tinha cerca de seis anos. Meu masculino interior era um gigante Rei Guerreiro - forte e sempre na defensiva. Foi com esta imagem que vim a compreender como eu tinha me tornado uma Guerreira Ferida - um Rei Guerreiro no corpo de uma mulher. O feminino interior era totalmente incapacitado e não funcional.

Eu sei que o meu Rei Guerreiro estava muito cansado. Ele mesmo tinha carregado a responsabilidade por existências. Ele estava cansado de usar somente a sua mente e a força física para dominar o mundo. Ele ansiou por esta rainha para contribuir com seus presentes da intuição e criatividade, em uma parceria igual. Seu objetivo mais recente era criar um ambiente seguro para ela sair da caverna, crescer e ver que o mundo era mais uma vez, um lugar seguro para ela expressar a sua feminilidade.

Meu Rei Guerreiro submeteu-se a uma busca. A busca era livrar à si mesmo e a sua rainha criança, dos sentimentos passados, atitudes, crenças e memórias celulares que os mantinham presos, aos padrões de pensamento e de comportamento limitados.

Então, meu Rei Guerreiro, conduziu-me às técnicas que me ajudaram a clarear, clarear, clarear, toda a energia presa e suprimida. E então, como uma validação, eu encontrei um homem que espelhou para mim - meu novo Eu. Nós tivemos um relacionamento curto, mas muito prazeroso. Ele era equilibrado em seus aspectos masculinos e femininos. Em nosso relacionamento, ele expressou o aspecto masculino - iniciando o nosso tempo juntos, fazendo os planos, fornecendo um ambiente para que nós explorássemos um ao outro.

Pela primeira vez em minha vida eu cedi e permiti a um homem tomar o comando. Ele me disse o que ele queria e o que pensava sobre as coisas. Eu lhe disse como eu me sentia acerca do que ele dizia e queria. E ele respeitou os meus sentimentos. Ele fez as correções necessárias para permitir-me sentir segura e estimada.

Quando eu refleti sobre o nosso relacionamento, eu notei a diferença entre este e todos os meus relacionamentos passados. Eu reconheci do quanto eu me agradei ao expressar a energia feminina neste relacionamento. E quando eu fiz isto, eu vi meu o feminino interior levantar-se e prestar atenção. Ela saiu da posição fetal, no fundo da caverna e dirigiu-se para a luz solar. Ela aqueceu-se na energia da minha apreciação da minha feminilidade.

Enquanto ela absorvia esta apreciação, ela começou a se transformar. Ela começou a crescer, a partir de uma criança de seis anos, através da adolescência, da puberdade, para a mulher amadurecida. Enquanto ela se transformava, meu masculino interior assistia e observava em fascinação e excitação crescentes. Sim, sim, isto é por isso que ele estava esperando.

Ela cresceu em uma bela mulher e posicionou-se para encarar o Rei Guerreiro. Eles olharam fixamente nos olhos, um do outro. Ela lhe agradeceu por toda a sua paciência, bondade, e por conduzir por tanto tempo sem ela. Ela agradeceu-lhe por sua proteção e por criar um ambiente seguro. Eles se abraçaram e saíram para o pôr-do-sol, presumivelmente para apreciarem a sua lua de mel.

Desde este tempo, a minha criatividade e intuição têm aumentado tremendamente. Foi-me dado o presente da cura para compartilhar com os outros. Eu experienciei uma concepção imaculada de um projeto para criar a União Sagrada, a qual eu chamo de Elevação Humana Divina. Meu masculino e feminino interior agora trabalham juntos na União sagrada como companheiros iguais. Eu os vejo sentados, unindo-se em tronos dourados, lado a lado, governando o reino com poder, sabedoria e compaixão. Eu atraí um Companheiro de União Sagrada, que expressa o Masculino Divino em nosso relacionamento. A nossa União Sagrada é mais feliz do que eu jamais imaginei ser possível.


Suzanna Kennedy email: suzannak@verizon.net